O presente estudo tem como objetivo principal investigar de que forma a comida de rua pode ser mediadora de relações sociais, comunicacionais, de comensalidades, de sociabilidades entre atores que convivem no centro do Rio de Janeiro, mais precisamente nas Praças XV de novembro, Mauá e Cinelândia. A hipótese central do trabalho é que a comida de rua cria espaços de trocas comunicacionais, de sociabilidades entre vendedores, consumidores e indivíduos que circulam pelo território "gastronômico" que se estabelece nas três praças citadas anteriormente, além de possibilitar a ocupação de forma "negociada" entre os atores sociais que dividem e interagem nesses locais a despeito de lógicas do mercado e relações com o poder público.

 

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom