Cartografias sensíveis das cidades musicais do Estado do Rio de Janeiro
Micael Herschmann e Cíntia Sanmartin Fernandes 

Este trabalho - que faz parte do projeto de pesquisa Comunicação e Culturas urbanas: as músicas, os sons e as imagens re-inventando múltiplas territorialidades na cidade do Rio de Janeiro -  pretende valorizar a vivência corporal que gravita em torno da música nas cidades, especialmente aquelas que colocam em cena a experiência da alteridade, que em geral produzem situações de mobilização social. Nesse sentido, ancora-se ao trabalho realizado as percepções de Nora, que sublinha a capacidade da música em condicionar o corpo, acionando nossas lembranças (faculdades da nossa memória) e afetando ideias, humores e emoções (DE NORA, 2000). Não é apenas a sonoridade dos concertos ao vivo executados, mas as vozes e ruídos que ecoam das ruas, do tráfico e das pessoas, que envolvem e conformam o ambiente desses encontros corporais pesquisados, que se referem aos encontros do Bar do Nanam no Beco das Artes e na Banca do André na Cinelândia. Na obra de Sennett, o corpo se converte em protagonista principal, na chave para entender o sentido da morfologia e da organização urbana (DURÁN, 2008, p.104), ou seja, os sentidos das cidades emergem nas interações sensíveis entre o corpo e a própria cidade.

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom